5 de jan de 2011

Elimine a retenção de líquido a partir de uma boa alimentação e perca peso

Carboidratos simples, derivados da farinha branca, e o açúcar, até mesmo o das frutas, são os grandes vilões do inchaço

A retenção de líquido é um dos grandes dramas das mulheres que querem afinar a silhueta. Além de prejudicar a saúde, o inchaço arrasta o ponteiro da balança para cima. Ter uma alimentação errada é o ponto de partida para aumentar o problema.

No grupo dos vilões estão os carboidratos simples, as massas, pães e doces feitos com farinha branca, e o açúcar. “Esses alimentos são considerados de alto Índice Glicêmico (IG), ou seja, demandam uma grande quantidade de insulina para serem absorvidos rapidamente pelo organismo”, explica Paulo Olzon, clínico geral de São Paulo. E a insulina, por sua vez, retém sal é água. É assim que se instala o inchaço.

“Por isso, em programas alimentares com bastante queda calórica, em que normalmente se cortam os carboidratos e açúcares, em duas semanas a perda de peso é muita rápida. As dietas de spas, por exemplo. Porém, cerca de 5% desse peso perdido inicialmente é água e sal. Depois dessa fase, é que começa a perda de gordura”, diz Olzon.

Quanto mais açúcar, maior o IG dos alimentos. Isso vale inclusive para frutas e legumes. Sabe aquele suco de melancia que você acha que é super diurético? Pois é, a fruta é lotada de açúcar e uma retentora líder de líquido no organismo. Outros inimigos são a batata, mandioca, beterraba, arroz branco e refrigerantes.

Estão liberados no prato o grupo dos carboidratos complexos, como a castanha do Pará, nozes, avelã e cereais integrais em geral. Também consuma mais alimentos ricos em potássio, magnésio e vitamina B6. Os mais indicados são erva-doce, salsão, hortelã, maçã, pêra, ameixa, uva, maracujá, acelga, espinafre, brócolis, couve, cenoura, aipo, salsão, pepino e chás de salsa, gengibre e canela.

Veja outras medidas espertas para acabar com o inchaço

- Evite usar roupas muito apertadas, pois elas fazem a compressão das veias e impedem o retorno venoso do sangue, aumentando o inchaço

- Evite passar muito tempo na mesma posição. Ficar sentada por muitas horas seguidas, por exemplo. Quem se mexe, faz atividades físicas, eliminam líquido, enquanto quem fica parado, acumula água.

- Modere nas leguminosas, que fermentam e provocam gases, dilatando o abdômen. Especialmente feijão, lentilha, ervilha e milho.

- Invista em folhas cruas, massas e cereais integrais - ricos em fibras, dão saciedade e ajudam no bom funcionamento do intestino.

- Evite combinar massa e carne na mesma refeição, pois a dupla dificulta a digestão e favorece o efeito estufa no abdômen por conta dos gases.

- Continue temperando os pratos com limão, ervas e pouco sal. Lembre-se de que é o excesso de sódio que faz o corpo reter líquido e ficar com o aspecto inchado.

- Consuma sucos desintoxicantes com freqüência. Uma boa receita é misturar água-de-coco com 1/2 pepino ou 1/2 cenoura. A bebida hidrata e ajuda o organismo a eliminar toxinas.

Fonte: CAmila Rutka - EA  

Nenhum comentário: