28 de jun de 2012

Romarinho vira herói da Fiel com dois toques

Com Liedson e Paulinho, Romarinho é observado por Orion diante de uma silenciosa torcida xeneize após gol de empate / Alejandro Pagni/AFP
Jogador age com extrema frieza após marcar o gol de empate em plena Bombonera e deixar o Corinthians mais perto do título inédito

O hexacampeão Boca Juniors e a lotada La Bombonera não intimidaram Romarinho, que, no primeiro toque na bola, marcou o gol de empate por 1 a 1 e salvou o Corinthians na Argentina. Com o resultado desta quarta-feira, o time alvinegro precisa de uma vitória simples, em São Paulo, para conquistar o inédito título da Copa Libertadores da América.

Herói contra o Palmeiras no domingo (quando anotou os dois tentos do triunfo por 2 a 1, de virada), o atacante que veio do Bragantino saiu de campo valorizando o momento. "Não esperava isso. Fiquei muito feliz. Saí do banco e minha estrela brilhou hoje", afirmou na La Bombonera.

Novo xodó da torcida corintiana, Romarinho, 21 anos, enalteceu o técnico Tite, que, além de tê-lo inscrito na semifinal do torneio continental, contra o Santos, optou por colocá-lo em campo na segunda etapa do duelo desta quarta, no lugar do meio-campista Danilo.
"O Tite me pediu para abrir na lateral e ter muita velocidade. Acho que isso depende dele. A equipe está bem e estou feliz. Vamos continuar trabalhando, mas isso (titularidade) depende do Tite", disse.

O atacante agora mira o próximo compromisso, que será na quarta, no Pacaembu. "Saímos com o resultado atrás, então ficamos contentes. Agora é buscar esse título em São Paulo", completou.

Jornal do Brasil


Leia também


Paixão Corinthiana - A história de amor de um povo pelo seu time

Nenhum comentário: