11 de fev de 2012

Kassab é vaiado na festa de 32 anos do PT

Kassab foi convidado para participar da comemoração pelo presidente nacional do PT, Rui Falcão; Dilma e José Dirceu foram os mais aplaudidos

Foto: Wilson Pedrosa / AE

O prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, do PSD, foi vaiado agora há pouco na festa de 32 anos do PT. Kassab foi convidado para participar da comemoração pelo presidente nacional do PT, Rui Falcão. O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva articula uma aliança com Kassab para eleger o ex-ministro Fernando Haddad para a prefeitura de São Paulo. Enquanto Kassab foi vaiado, o ex-ministro José Dirceu foi ovacionado pela plateia de petistas. Os militantes do partido mostraram-se estupefatos com a presença de Kassab. A presidente Dilma Rousseff foi muita aplaudida.

A presidente Dilma Rousseff e o ex-ministro José Dirceu foram os mais festejados pela militância na comemoração hoje dos 32 anos de existência do PT. Os aplausos ficaram ainda mais evidentes diante da vaia estrondosa recebida pelo prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, do PSD, que compareceu a convite do presidente nacional do PT, Rui Falcão.

Sem demonstrar nenhum constrangimento, Kassab sentou-se na segunda fila da mesa de convidados, entre ministros de Estado, ex-presidente do PT e o presidente nacional do PC do B, Renato Rabelo. Dilma Rousseff sentou-se ao lado de Falcão e do presidente da Câmara, Marco Maia (PT-RS). Planalto devido ao não nomeação de um afilhado político para cargo no Banco do Brasil.

Impedido de ir ao encontro por recomendação médica, o ex-presidente Lula mandou uma carta lida pelo presidente Rui Falcão. Lula lamentou não estar presente ao encontro. "Ole, olé, ola, Lulala", entoaram, entusiasmados, os militantes petista.


Com informações da Agência Estado e Brasil 247

Nenhum comentário: