31 de mai de 2010

TRABALHADORES DE ZOONOSES de São Paulo não aceitam demissões



Reunidos no Sindsep* no dia 28 de maio, os trabalhadores de Zoonoses – admitidos em 2001, 2007 e efetivos – fizeram uma avaliação das últimas atividades realizadas. Especialmente a audiência pública ocorrida na Câmara Municipal, onde o Secretário Adjunto de SMS*, Sr. José Maria, afirmou que serão demitidos no próximo dia 5 de junho, o pessoal de 2007 e, que ao final de 3 meses, também o pessoal de 2001, de acordo com o prazo dado pela Câmara. De outra forma, isso também foi afirmado pelo líder do governo, Netinho.

Essa postura do governo (SMS) é inaceitável, ainda mais, porquê demitir 1.000 trabalhadores sendo que os novos não tem o mínimo treinamento para enfrentar uma possível epidemia de dengue na cidade. Em São Paulo seriam necessários 4.400 agentes de combate a dengue e hoje contamos com 2.500. Com essa demissão inconcebível restariam 1.500. Mesmo que fossem chamados todos concursados, ainda seriam necessários mais agentes. Por isso, o Sindsep, defende a manutenção do emprego de todos os agentes de 2001 e 2007.

Além disso a prefeitura se nega a aplicar a emenda 51 e 63, que foram aprovadas e, que dariam estabilidade para os admitidos em 2001 criando o cargo de Agentes de Endemias, com piso salarial da categoria.

O vereador Zelão, da Comissão de Saúde da Câmara, informou que no dia 1º de junho haverá uma reunião da Comissão com o Secretário de Saúde onde serão tratados vários assuntos, inclusive Zoonoses

Em clima de mobilização a assembleia decidiu que não vamos jogar a toalha. Vamos continuar a luta pela manutenção dos contratados e pelo piso salarial.


DIA 01/06 - 11 HORAS – ATO NA SMS*
Rua General Jardim, 36

DIA 02/06 – 14 HORAS – ATO NA SMG*
Rua Líbero Badaró, 425


Por Sérgio Antiqueira - Blog SiNDSEP - 28.05.2010


*SMS - Secretaria Municipal de Saúde

*SMG - Secretaria Municipal de Gestão

*SINDSEP - Sindicato dos Trabalhadores na Administração Pública e Autarquia do Município de São Paulo


Nenhum comentário: