3 de jan de 2010

Âncoras (preconceituosos) do jornalismo brasileiro pregam (tentam) ódio contra o pobre no Brasil

"Isso é uma vergonha!"  Uma das faces da luta de classe no Brasil                                                    


Professor Mazuchelli - 01.01.10

Dedicado servidor da ditadura militar e prócer do CCC - Comando de Caça aos Comunistas - nos anos 60 e 70, o jornalista Boris Casoy acaba de confirmar, via satélite, sua verdadeira e odiosa índole.

Na última noite de 2009, ao apresentar as manchetes do Jornal da Band, o velhaco escarneceu dos garis que haviam acabado de desejar um Feliz 2010 aos brasileiros.

O vídeo abaixo dispensa explicações. Serve apenas para mostrar que o afetado âncora da Rede Bandalha, do alto da sua irrefreável estupidez, envergonha a espécie humana. Casoy é um lixo em forma de gente, escória excrementícia do que há de mais baixo na escala da dignidade. (Cloaca News)
Vídeo: Apresentador da Tv Bandeirantes Humilha Garis

Vídeo: Apresentador pede desculpas por ter ódio contra pobres



Vídeo: Uma Música sobre essa "Vergonha"



Fonte:
Cloaca News  
Luis Nassif

Um comentário:

Anônimo disse...

Existe luta de classes. Mas não podemos esquecer que devemos primeiramente agradeceer ao Lula. Lula cansa de dizer que fez sua opçõ pela classe pobre em detrimento da classe média. Não devemos nos surpreender com a atitude do Boris: se coloca na classe média desprezada por Lula.Mas será que o Lula não escolheu a classe menos fvorecida porque fica mais facil conseguir votos para a sua candidata? Lula faz parte da Elite e hoje aproveita a boa fé dos menos favorecidos. Não por gostar mais por simples interesse porque são massa de manobra e acreditam nas mentiras que ele diz.