2 de set de 2009

Hoje acaba o mensalinho de Noblat no Senado


Hoje vence o polêmico contrato entre o blogueiro Ricardo José Delgado (Noblat), e o Senado Federal, para produção de um programa semanal de música, Jazz & Tal.

O contrato proporcionava um mensalinho (remuneração mensal, ao que tudo indica legal, prevista em contrato, porém condenável), no valor R$ 3.360,00.

Em todo o ano de vigência, consumiu dos cofres públicos do Senado o total de R$ 40.320,00

O blogueiro ficou furioso quando este nosso blog tornou público tal contrato. Porém os contratos com o Senado precisam respeitar o princípio da publicidade, e não há o que reclamar. Pelo contrário, quem tem o direito de fazer reclamações somos nós, contribuintes, quanto ao uso do dinheiro público.

O portal da transparência do Senado, na época, ocultava o sobrenome famoso (Noblat), revelando apenas Ricardo José Delgado, o que dificultava ao cidadão cioso do dever de exercer controle social sobre o dinheiro público, de ligar o nome à pessoa.

O blogueiro, em violento artigo no Observatório de Imprensa (estranhamente declinou de usar o espaço de seu próprio blog para dar respostas), prometeu: "... o programa sairá do ar em setembro próximo tão logo o contrato termine".

Setembro chegou, e o contrato terminou. Esperamos que a palavra seja honrada, e que não seja renovado este contrato, impróprio para um jornalista que se apresenta como supostamente independente e que faz a cobertura do noticiário político do Senado.

Por Zé Augusto - Os amigos do Lula - 02.09.09

Um comentário:

Anônimo disse...

Até tu Noblat! Sois um pseudo Catão!